Amanhã terá um segundo a mais. Saiba como isso pode afetar a internet

Amanhã terá um segundo a mais. Saiba como isso pode afetar a internet


Como dissemos no começo do ano, nesta terça-feira, 30 de junho, o dia terá um segundo a mais. Chamado de "segundo bissexto", o evento foi criado pelos cientistas do IERS (Serviço Internacional de Sistemas de Referência e Rotação da Terra) e acontece a cada 18 meses para ajustar a rotação da Terra ao tempo atômico. Apesar de não causar nenhuma mudança concreta na vida das pessoas, a adição pode gerar um grande problema para os computadores.
Amanhã os relógios oficiais mundiais marcarão o incomum horário de 11h59m60s, antes que virem para o dia 1º de julho. Com isso, o dia terá 86.401 segundos, o que pode confundir os computadores de todo o mundo.

Quando uma máquina recebe um comando para realizar uma operação em um segundo repetido, o computador pode não ter certeza sobre o que fazer, o que pode resultar em um crash.

Da última vez que aconteceu, em 2012, o segundo bissexto causou alguns estragos, como a queda de grandes sites e serviços como o Foursquare, o Reddit e o LinkedIn.

Empresas como o Google e a Amazon trabalham há algum tempo para garantir que o segundo não cause grandes problemas, adicionando milissegundos gradualmente ao longo de semanas para que a mudança não seja tão repentina.
O evento pode causar confusões também no mercado de ações. Um segundo de inatividade pode significar a perda de até US$ 4,6 milhões de dólares.
 Via TheNextWeb

Compartilhe usando