Apple é dona de 92% do lucro no mercado de smartphones

Apple é dona de 92% do lucro no mercado de smartphones

Apesar disso, empresa participa de apenas 18,3% desse mercado.

Enquanto a Samsung enfrenta um trimestre difícil, a Apple ― como sempre ― está nadando em dinheiro. A empresa foi dona de 92% dos lucros do mercado de smartphones no primeiro trimestre deste ano, ainda que dispositivos com iOS ocupem apenas 18,3% do segmento.
Esta última informação foi divulgada pela empresa de estudos de mercado IDC, que também estimou que 78% dos aparelhos vendidos no mesmo período rodam Android. A Samsung, no entanto, ocupou uma fatia de 15% dos lucros de mercado, ficando a quase um abismo de distância da Apple, em segundo lugar. Vale lembrar que ela continua sendo a fabricante que mais faz dispositivos com Android.
Se você for somar, vai ver que o lucro com smartphones das fabricantes foi de 107%. Não, não tem nada de errado. Esse cálculo é feito avaliando o lucro de várias empresas, e muitas nem sequer lucram ― pelo contrário, perdem dinheiro. Com isso, a porcentagem negativa de lucro faz com que outras empresas, como Apple e Samsung, consigam pegar uma fatia maior de lucro no mercado.
Lucro no mercado de smartphones por fabricante. Apesar da notícia ser do primeiro trimestre de 2015, este gráfico é em relação aos últimos 3 meses do ano passado.
Lucro no mercado de smartphones por fabricante. Apesar de a notícia ser do primeiro trimestre de 2015, o gráfico é em relação aos últimos 3 meses do ano passado.
Embora a Apple tenha batido recorde no primeiro trimestre fiscal deste ano com lucro de US$ 18 bilhões, ela perdeu espaço quando comparada ao mercado. Acredite, esse número já foi de 93% nos últimos três meses de 2014.
É engraçado ver como o lucro cresceu se comparado com o primeiro trimestre do ano passado ― a empresa era dona de 65% dos lucros do mercado. Dá para ver como os iPhones 6 e 6 Plus fizeram sucesso pelo constante crescimento e quebra de recorde da empresa na receita.
As expectativas da companhia também não param de crescer: conforme divulgado peloWall Street Journal, a Apple encomendou de 85 a 90 milhões de novos iPhones para venda, com telas de 4,7 e 5,5 polegadas. No ano passado, o primeiro lote de novos iPhones foi de 70 a 80 milhões de aparelhos. Corre, Samsung!
Com informações: Business Insider

Compartilhe usando