Melhor comprar um smartphone rápido, pois a Dilma pode estragar com o seu Natal!

Melhor comprar um smartphone rápido, pois a Dilma pode estragar com o seu Natal!

Sim, acertou quem pensou em aumento de impostos. Na verdade, o governo acabou com um incentivo fiscal para aparelhos produzidos em território nacional. Para melhorar a situação, adivinha quando a medida vai entrar em vigor? Dezembro! E com isso, amigo, a Dilma declara guerra ao Papai Noel Android.


A presidente revogou, através da medida provisória 690/2015, os artigos 28, 29 e 30 da lei 11.196/2005, a Lei do Bem, que isentava do PIS/Cofins os eletrônicos listados no Programa de Inclusão Digital. No caso dos smartphones, a lei favorecia a todos os aparelhos que custassem menos de R$ 1.500,00 e trouxessem um pacote de apps nacionais pré-instalados. Isso significa que, a partir de Dezembro, smartphones como o Moto X 2014, o Moto X Play, o Zenfone 5, o Redmi 2, o Moto G 2015 e tantos outros potenciais presentes de fim de ano ficarão no mínimo 11,75%  mais caros. Essa é a alíquota que deve ser repassada ao consumidor. Levando em conta que os preços já sobem tradicionalmente à medida em que o Natal se aproxima, é melhor garantir desde já o seu dispositivo novo.

smartphones preco baixo
É melhor garantir a sua oferta de celular o quanto antes. / © ANDROIDPIT
A medida não é apenas impopular, ela também pega de surpresa as fabricantes, que contavam com o incentivo até o final de 2018. Com ela, o governo pretende arrecadar mais 3,2 bilhões de Reais. Os aparelhos menos afetados serão aqueles que já custam caro. Falamos de carros-chefe como o Galaxy S6 Edge Plus, o Xperia Z3 Plus e o LG G4.

Você pretende dar um smartphone de Natal este ano?

Compartilhe usando